Altas performances requerem conhecimento acima do superior.


Pós-Graduação a distância (EAD)

MTA CESB - Soja

Master em Tecnologia Agrícola

Preencha o formulário

Preencha o formulário para receber mais informações sobre o MTA • CESB e para falar com nossos consultores.

O Comitê Estratégico Soja Brasil - CESB, cumprindo com seu papel social de propagador de conhecimento e informações referentes a cadeia da soja, está promovendo o MTA Soja (Master em Tecnologia Agrícola), uma pós-graduação totalmente online para sua comodidade, que reunirá os maiores especialistas nas áreas de Agronomia, Fisiologia, Fitotecnia, Solos, Sanidade e Gestão.


Indo ao encontro do Desafio Nacional de Máxima Produtividade de Soja, que nasceu como uma fonte de inspiração para todos os sojicultores do Brasil, o CESB mostra ao produtor e profissional do agronegócio que é possível superar-se a cada dia. O MTA Soja surge como ferramenta de aprimoramento para aqueles que atuam direta e indiretamente com demanda crescente por alimentos no planeta.

Master em Tecnologia Agrícola • CESB

Conhecimento técnico de altíssimo nível

Dados reais sobre as produtividades da cultura obtidas pelo CESB

Certificação de Pós-graduação pelo MEC

Foco na alta produtividade da cultura da soja


Professores com larga experiência teórica e prática


Apoio de uma plataforma de conteúdos específicos para agronegócio

Aprenda com profissionais referência de mercado.

Conheça o time de professores da sua Pós-graduação.

Eng. Agr. Alexandre Chequim

Engenheiro Agrônomo formado pela Universidade Federal de Santa Maria, MBA em Marketing Estratégico e pós-MBA em Inteligência de Negócios. Empreendedor, com atuação em Marketing e publicidade, especialmente no setor de agronegócio.


Saiba mais sobre Alexandre Chequim

Dr. Alexandre Gazolla

Engenheiro Agrônomo pela Universidade Federal de Pelotas/Faculdade de Agronomia Eliseu Maciel - FAEM/UFPel, Técnico Agrícola formado pela UFSM/CAFW. Mestre e Doutor em Ciência e Tecnologia de Sementes

Saiba mais sobre Alexandre Gazolla

Dr. Antonio Luiz Fancelli

Engenheiro Agrônomo, Doutor na área de Solos e Nutrição de Plantas, especialização em Sistemas de Produção. Atuação nas áreas de Fitotecnia, Fisiologia da Produção e Sistemas de Produção.


Saiba mais sobre Antonio Luiz Fancelli

Me. Breno Araújo

Membro efetivo do CESB. Engenheiro agrônomo pela Faculdade de Estudos Administrativos de Minas Gerais (FEAD), Mestre em Fertilidade do Solo e Nutrição de Plantas pela Universidade Federal de Lavras (UFLA/MG). Atua como consultor em fazendas destinadas à produção de grãos (milho, soja, feijão e trigo) em todo Brasil. É coordenador de cursos pós-graduação e capacitação em produção de grãos e professor das disciplinas de Milho e Soja para elevadas produtividades; Fertilidade do Solo e Nutrição de Plantas pela Rehagro.

 

Saiba mais sobre Breno Araújo


Dr. Godofredo Cezar Vitti

Doutor na área de Solos e Nutrição de Plantas Cultivadas, Atualmente é Prof. Sênior em Adubos e Adubação e Fertilidade do Solo; nos cursos de nível de graduação e pós-graduação, na ESALQ/USP e Cursos de Especialização e MBA.

Coordenador a nível nacional e internacional, há 29 anos do Programa de Análises de Tecido Vegetal, e fundador do Grupo de Apoio a Pesquisa e Extensão (GAPE).

Cidadão Honorário do Estado do Alabama/USA. Professor Homenageado por 22 vezes pelos alunos de Engenharia Agronômica da ESALQ/USP. Prêmio IPNI Brasil de Nutrição de Plantas - Categoria Pesquisador Sênior, 2015. Medalha “Fernando Costa”, modalidade Ensino 2018.


Saiba mais sobre Godofredo Cezar Vitti

Dr. Gustavo Fregonezi

Doutor na área de Engenharia Agrícola, atualmente trabalho como professor no curso de Graduação em Agronomia da Unifil nas disciplinas de Nutrição e Adubação de Plantas, Fertilidade de Solos, Silvicultura, Orientação de Estágio e de TCC. Atua também como consultor na Empresa Nutre Planta Consultoria Agrícola.


Saiba mais sobre Gustavo Fregonezi

Dr. João Pascoalino

Engenheiro Agrônomo Especialista em finanças pelo Instituto Paranaense de Ensino - IPE (2012),Doutor pelo James Hutton Institute (Scottish Crop Research), Scotland - UK (2017). Atualmente é Coordenador Técnico e de Pesquisa do Comitê Estratégico Soja Brasil • CESB. Tem experiência em física e fertilidade do solo e nutrição mineral de plantas.


Saiba mais sobre João Pascoalino

Ph.D. José Paulo Molin

Graduado em Engenharia Agrícola pela Universidade Federal de Pelotas (1983), com mestrado em Engenharia Agrícola pela Universidade Estadual de Campinas (1991) e PhD em Engenharia Agrícola - University of Nebraska (1996)Professor da Universidade de São Paulo e Pesquisador do CNPq. Atua na interface entre a área de Máquinas e Implementos Agrícolas e a Agricultura de Precisão, especialmente com sensores de solo e de plantas, variabilidade espacial, mapas de produtividade, GNSS e aplicação localizada de insumos. Tem coordenado o Congresso Brasileiro de Agricultura de Precisão e presidiu a Comissão Brasileira de Agricultura de Precisão - CBAP, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento desde a sua criação. Hoje preside a Associação Brasileira de Agricultura de Precisão - AsBraAP, entidade que envolve pessoas e empresas.


Saiba mais sobre José Paulo Molin

Quero mais informações

Dr.ª Larissa Tormen

Engenheira Agrônoma, Doutora pela UnB em parceria com a Embrapa Cerrados, atuando principalmente nos seguintes temas: matéria orgânica do solo, fertilidade, sistemas de manejo do solo e cultura de cana-de-açúcar. Coordenadora da área de Nutrição de Plantas no Instituto Phytus Centro-Norte.


Saiba mais sobre Larissa Tormen

Dr. Mauro Rizzardi

Engenheiro Agrônomo, com doutorado em Fitotecnia, na área de plantas daninhas. Atualmente é professor titular da Universidade de Passo Fundo. Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Matologia, atuando principalmente nos linhas de pesquisa de ecofisiologia, manejo e controle de plantas daninhas e resistência de plantas daninhas aos herbicidas. É Professor do Programa de Pós-Graduação em Agronomia da UPF e orienta nos Cursos de Mestrado e Doutorado Bolsista Produtividade CNPq.



Saiba mais sobre Mauro Rizzardi

Ph.D. Paulo Sentelhas

Engenheiro Agrônomo, doutor em Agronomia (Irrigação e Drenagem). Fez pós-doutorado na Universidade de Guelph, no Canadá. Atuou como pesquisador no IPMET/UNESP e no IAC. É professor da ESALQ/USP, ocupando atualmente o cargo de Professor Titular da Universidade de São Paulo, e desde 2005 é Pesquisador do CNPq.


Saiba mais sobre Paulo Sentelhas

P.hD. Paulo Eduardo Degrande

Possui Postdoc na Texas A&M University, Estados Unidos. Graduado em Engenharia Agronômica pela Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz da Universidade de São Paulo, mestrado em Ciências Biológicas (Zoologia) pela Universidade de São Paulo, e doutorado em Ciências Biológicas (Zoologia) pela Universidade de São Paulo - com tese desenvolvida no Julius Kühn-Institut (JKI) em Darmstadt, Alemanha. Atualmente é Professor Titular da Universidade Federal da Grande Dourados


Saiba mais sobre Paulo Eduardo Degrande

Dr. Pedro Cristofoletti

Engenheiro Agrônomo, prestou doutorado em Weed Science - Colorado State Universty - CSU. Atualmente é professor associado - livre docente da Universidade de São Paulo. Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Matologia. Atuou como presidente da Sociedade Brasileira da Ciência das Plantas Daninhas. Foi coordenador do programa de pós-graduação em Fitotecnia da ESALQ/USP e vice presidente da Comissão de Pós-graduação da ESALQ/USP.


Saiba mais sobre Pedro Cristofoletti

Quero mais informações

Dr. Pedro Luiz Soares

Pedro Soares, Professor Doutor, Nematologista, na Unesp de Jaboticabal. Tem experiência com os nematoides, em diferentes culturas e a mais de 20 anos.


Veja mais sobre Pedro Luiz Soares

Ph.D. Ricardo Balardin

Engenheiro Agrônomo, realizou doutorado em Crop and Soil Sciences, Plant Pathology. Michigan State University, MSU, Estados Unidos. (1994 - 1997). Ph.D. em Crop and Soil Sciences, Plant Pathology pela Michigan State University (EUA), com especialidade nas áreas de soja, milho, proteção de plantas e controle químico das doenças, arroz, cereais de inverno e tecnologia de aplicação de fungicidas. Membro do Comitê Estratégico Soja Brasil (CESB).


Veja mais sobre Ricardo Balardin

Dr. Alisson A. Barbieri Mota

Graduado em Agronomia pela Faculdade Integrado de Campo Mourão, PR, possui Doutorado em “Mistura em Tanque e Formulações de Produtos Fitossanitários” pela FCA da UNESP, com mestrado em “Pontas de Pulverização e Adjuvantes de Calda” pela mesma Universidade. Foi pesquisador visitante na The Ohio State University em 2014, nos Estados Unidos, realizando trabalhos com ênfase em “Espectro de Gotas e Cobertura de Alvos”. Pesquisador colaborador e executor de projetos desenvolvidos em parceria com a Fundação de Estudos e Pesquisas Agrícolas e Florestais, principalmente, atuando em programas de extensão ligados a Boas Práticas na Aplicação de Produtos Fitossanitários.

Saiba mais sobre Alisson A. Barbieri

Dr. Fernando Kassis Carvalho

Engenheiro Agrônomo, formado pela Universidade Estadual do Norte do Paraná Bandeirantes, Doutorado no tema “Adjuvantes e Tipos de Formulações nas Características de Aplicações de Inseticidas e Fungicidas”, pela FCA da UNESP, com mestrado em “Avaliação de Adjuvantes na Deposição e Deriva em Aplicações Aéreas e Terrestres”, pesquisador colaborador e executor de projetos desenvolvidos em parceria com a FEPAF, atuando principalmente em programas de treinamentos para pilotos agrícolas e técnicos de usinas sobre Boas Práticas em Aplicações Aéreas.


Saiba mais sobre Fernando Kassis

Dr. Rodolfo Chechetto

Engenheiro Agrônomo, possui doutorado em Agronomia na Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP. Pesquisador/colaborador da FEPAF e da AgroEfetiva em tecnologia de aplicação de defensivos agrícolas.Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Tecnologia de Aplicação.


Saiba mais sobre Rodolfo Chechetto

Quero mais informações

Dr. Ulisses Antuniasi

Engenheiro Agrônomo, possui doutorado em Agronomia (Energia na Agricultura) pela UNESP. Atualmente é professor titular do Departamento de Engenharia Rural da Faculdade de Ciências Agronômicas da UNESP. Tem experiência na área de Engenharia Agrícola, com ênfase em Máquinas e Implementos Agrícolas



Saiba mais sobre Ulisses Antuniasi 


Me. Sergio Abud

Biólogo, especializou-se em Genética e Biologia Molecular, na área de transformação de planta e expressão de proteínas heterólogas em soja. Trabalha na Embrapa há 38 anos junto a equipe de Melhoramento Genético e Manejo Integrado para altos rendimentos na cultura da soja.Membro do CESB - Comitê Estratégico Soja Brasil.


Saiba mais sobre Sérgio Abud

Quero mais informações

Palestras exclusivas com especialistas

Apoio e experiência para o seu aprendizado

Palestrante

Dr. Alceu Linares

Engenheiro Agrônomo, Doutor em Produção Sustentável (Qualidade do Solo e da Água) pela Universidade de Brasília. Tem experiência profissional na área de Agronomia, com ênfase em Gênese, Morfologia e Classificação dos Solos.


Saiba mais sobre Alceu Linares.

Palestrante

Me. Antonio Carlos Ortiz

Engenheiro Agrônomo, possui Mestrado na Universidade de Purdue, University Master of Science, Agricultural Business and Management IMD Business School PED, Business Administration and Management, General.

Saiba mais sobre Antônio Carlos Ortiz

Palestrante

Dr. Décio Gazzoni

Engenheiro Agrônomo, chefe Geral da Embrapa Soja (Londrina) e Diretor Técnico da Embrapa (Brasília). Pesquisador da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA). Atua na área de agronomia, com ênfase em sanidade agropecuária. Membro do Comitê Estratégico Soja Brasil (CESB), e também do International Scientific Panel on Renewable Energy (ISPRE ICSU), presidente do Steering Committee on Renewable Energy (ICSU-ROLAC).


Saiba mais sobre Décio Gazzoni


Palestrante

Dr. Derly Silva

Engenheiro Agrônomo, doutor na área de Genética e Melhoramento de Plantas, Pós-doutorado pela University of Florida - Gainesville - EUA. Tem experiência na área de Genética, com ênfase em Recursos Genéticos. Associado fundador da Sociedade Brasileira de Recursos genéticos.


Saiba mais sobre Derly Silva

Palestrante

Dr. Romeu Kiihl

Engenheiro Agrônomo, possui doutorado em Agronomia Vegetal pela Mississippi State University(1976). É Pesquisador do Fundação de Apoio à Pesquisa Agropecuária de Mato Grosso e da Tmg Tropical Melhoramento e Genética Ltda. Tem experiência na área de Fitotecnia, atuando principalmente nos seguintes temas: Fotoperiodismo, SOJA, Mosaico.


Saiba mais sobre Romeu Kiihl


Por que fazer a pós-graduação em Soja?

Ao longo da carreira nos deparamos com novos desafios diariamente, buscar novas habilidades para aprimorar competências e acompanhar as mudanças do mercado.



O MTA • Soja objetiva preencher estes itens, com um time de profissionais referência de mercado e uma grade curricular planejada para fazer de você um profissional pleno e capacitado para os desafios do futuro.

O que você irá ver em sua pós-graduação

Fenologia da cultura da soja

Etapas fenológicas da planta de soja e sua contribuição com a produtividade


Histórico da produtividade de soja no Brasil e no mundo

O caminho da soja da China ao Brasil, a evolução da produtividade da soja no Brasil e no mundo, fatores relacionados, avanço da produção, demanda de mercado, relação entre expansão de área e aumento da produtividade, para onde a soja vai expandir nos próximo anos, qual a expectativa de crescimento da produção e da produtividade de soja até 2050.


Ambiente de produção, qualidade de sementes e plantabilidade na cultura da soja

Discussão dos fatores associados ao ambiente de produção e semeadura, qualidade de sementes e plantabilidade na cultura da soja. Relacionando a interação destas variáveis com a produtividade da cultura; ênfase na qualidade da semente, distribuição uniforme de plantas, equipamentos e estratégias associadas à plantabilidade, técnicas de semeadura e à população final de plantas.


Patologia e tratamento de sementes na cultura da soja

Discussão dos fatores relacionadas à qualidade da semente de soja, tratamento e controle de doenças transmitidas pela semente.


Efeitos do câmbio na rentabilidade da soja

Abordar de forma técnica e prática, os fatores de competitividade de custos entre produtores americanos e brasileiros na cadeia internacional da soja, preço de equilíbrio competitivo, escala e tecnologia como vetores estruturais de competitividade, câmbio como vetor circunstancial de competitividade, fatores que influenciam a taxa de câmbio, taxa de câmbio brasileira influenciando preços internacionais, variação cambial e rentabilidade do produtor brasileiro, elementos de gestão cambial.


Nutrição e adubação de soja em sistema de produção

Discutir a fertilidade do solo, a adubação e sua influência na produtividade da soja, considerando as diversas regiões no Brasil. Abordará conceitos, uso de fertilizantes, nutrição mineral, diagnose visual e foliar, interpretação de solo, amostragem e análise, calagem, gessagem, fosfatagem, adubação corretiva de potássio, plantas de cobertura, rotação de culturas, adubação mineral, nitrogênio, fósforo, potássio, enxofre e manejo de micronutrientes.


Manejo de plantas daninhas - Região Sul e Sudeste

Apresentação das principais plantas daninhas, regionalizando sua ocorrência e as estratégias de controle integrado apropriadas as regiões Sul e Sudeste.


Manejo de plantas daninhas - Região Centro Oeste, Norte e Nordeste

Apresentação das principais plantas daninhas, regionalizando sua ocorrência e as estratégias de controle integrado apropriadas as regiões Centro-Oeste, Norte e Nordeste.


Melhoramento convencional e biotecnologia na cultura da soja

Discutir o papel do melhoramento clássico e biotecnológico na evolução da produtividade da soja no Brasil.


Resistência de plantas daninhas a herbicidas

Discussão dos fatores relacionados à resistência de plantas daninhas a herbicidas e as estratégias de manejo da resistência.


Nematoides - Manejo químico, biológico e plantas de cobertura

Apresentação das principais espécies de nematóides, regionalizando sua ocorrência e as estratégias de controle químico, biológico e com plantas de cobertura.


Fisiologia da soja e fatores envolvidos nos hormônios de crescimento

Discutir sobre os principais processos da fisiologia e ecofisiologia da soja para altas produtividades e o papel dos hormônios no desempenho da cultura. 


Teoria dos estômatos abertos

Entender a teoria dos estômatos abertos e sua influência na planta para as trocas gasosas e seu mecanismo para evitar a perda excessiva de água.

Nutrição foliar na cultura da soja

Compreender a absorção foliar de nutrientes, os fatores que influenciam a absorção, os principais produtos de aplicação foliar, assim como o desafio da nutrição foliar para o incremento produtivo.


Doenças na cultura da soja e seu controle - Região Sul e Sudeste, Centro Oeste, Norte e Nordeste

Apresentação das principais doenças, regionalizando sua ocorrência e as estratégias de controle integrado apropriadas para as diferentes regiões do Brasil.


Resistência de fungos a fungicidas

Discussão dos fatores relacionados à resistência de fungos a fungicidas e as estratégias de manejo da resistência.


Pragas na cultura da soja: Identificação, danos e controle

Identificar os principais insetos-pragas na cultura da soja, sua bioecologia, sintomas de ataque, monitoramento, nível de dano econômico, momento de controle, assim como discutir sobre a soja geneticamente modificada resistentes a pragas e o uso responsável. Compreender as bases conceituais, bioquímicas e fisiológicas em controle químico de pragas. 


Controle Biológico como ferramenta no Manejo Integrado de Pragas 

Abordar as estratégias do controle biológico como ferramenta no manejo integrado de pragas, visando a obtenção de altos rendimentos de grãos de soja com sustentabilidade.


Resistência de insetos a inseticidas

Discutir dos fatores relacionados à resistência de insetos-pragas a inseticidas


Tecnologia de aplicação terrestre / aérea

Apresentar os principais fatores relacionadas à tecnologia de aplicação terrestre e aérea que se relacionam a maior performance dos produtos aplicados. 


Agricultura de precisão

Abordar os conceitos básicos da Agricultura de Precisão (AP), como a caracterização da variabilidade espacial de atributos de solo, Amostragem de solo georreferenciada, Taxa variada de Fertilizantes e Corretivos, Balanço de entradas e saídas de nutrientes, Equilíbrio de bases na saturação, assim como verificar a importância dos indicadores (mapas de produtividade, índices de vegetação) para a definição de zonas de manejo, e prospecção de fatores limitantes e estratégias corretivas sítio-específico, e as novas tecnologias e o futuro da AP.


Construção do perfil do solo: Impedimento físico, químico e biológico

Entender os fatores físicos, químicos e biológicos e sua influência na produtividade da soja, considerando as diversas regiões do Brasil.


Pedologia do solo como fator de produtividade

Entender os impactos da pedologia no solo em relação à produtividade.


Culturas de cobertura e produtividade na cultura da soja

Entender o sistema de produção de grãos do Brasil, os benefícios das plantas de cobertura com resultados de pesquisa e áreas comerciais, bem como posicionar as plantas de cobertura na dinâmica das fazendas, potencializando os lucros. 


Impacto do clima e do manejo na produtividade na cultura da soja

Entender os fatores do clima e de manejo agronômico que afetam o desempenho da cultura da soja.


Modelos de alta produtividade

Apresentar e discutir os modelos de alta produtividade, a fim de colocar em pauta discussões embasadas em cases práticos de campo para o aumento da produtividade da cultura.


Agricultura Digital 4.0 

Discutir as tecnologias digitais e seu papel para o incremento de produtividade da cultura da soja.



Para quem é indicado esta pós-graduação em soja?

• O MTA Soja é indicado para o profissional que objetiva uma visão mais aprofundada da cadeia produtiva em soja. Que precise estar capacitado e para os desafios e mudanças que o mercado apresenta.


• Profissionais que almejam atuar em uma posição de maior responsabilidade;

• Consultores, empresários e gestores que querem conhecer novas técnicas para impulsionar a empresa.


• Estar apto a desenvolver e executar estratégias de inovação. Além disso, ele aprimora seu conhecimento sobre as principais ferramentas de gestão, de forma a ajudar a empresa em que trabalha a alcançar o sucesso.

Quero mais informações

Parceiros

Patrocinadores CESB

© 2020 | . Todos os Direitos Reservados.